Gestão segura de produtos químicos GHS

Para certificar o uso seguro de produtos químicos no ambiente de trabalho, seja nas atividades de armazenamento, processamento, embalagem e distribuição, se pressupõe a classificação do perigo dos produtos químicos de forma harmonizada. No Brasil adota-se o Sistema Globalmente Harmonizado de Classificação e Rotulagem de Produtos Químicos (GHS), conforme NR 26-MTE e ABNT-NBR 14725. Já no mundo, a implementação do GHS tem sido feita de forma singular, gerando a necessidade de conhecimento regulatório específico de cada país.

A classificação de perigo no GHS exige a avaliação criteriosa de fontes de informações primárias e secundárias sobre as propriedades do produto e seus ingredientes, para se determinar os perigos físico-químicos, toxicológicos e ecotoxicológicos, conforme critérios, que definem o grau do perigo. Sendo assim, perigo é a propriedade intrínseca do produto de causar um ou mais efeitos adversos, independentemente do local ou forma de uso. Perigo trata das propriedades intrínsecas.

Essa classificação harmonizada permite, conforme critérios do GHS, a aplicação de regras para extrapolação dos perigos de ingredientes para novas formulações e mistura. A classificação determina os símbolos, frases e palavras de advertência, que são fundamentais na comunicação, por meio do rótulo e FISPQ, que devem ser fornecidos aos usuários do produto.

Para o gestor de saúde, segurança e meio ambiente, a informação do perigo permite o desenvolvimento de sistemas de gerenciamento de risco, em que se agrega à informação da tipologia de perigo, dados sobre as quantidades utilizadas, rotas de exposição à saúde humana e ambiente, bem como a probabilidade de ocorrência de acidentes.

Neste sentido, o Conselho Regional de Química – Terceira Região firmou parceria com a Lisam Systems, para difundir a implantação do GHS no estado do Rio de Janeiro. A Lisam oferece desconto de 30% aos associados para participação no curso “Implantação da NR26, FISPQ, GHS e Rotulagem”, a ser realizado no Auditório do CRQ-III nos dias 27 e 28 de junho, e à distância de 10 a 31 de maio. As inscrições devem ser feitas diretamente no portal www.lisam.eco.br.

picto

Escrito por: Dr. Marcus da Matta, CEO Lisam EcoAdvisor Systems

* Confira o Informativo do CRQ-III para saber mais sobre este e outros assuntos